O amor perdido...

Amai-vos uns aos outros...

Você já se decepcionou com alguém? Um dia amou e pensou que essa felicidade seria para sempre? E, já acabou?... Acabou, sofri, chorei, odiei, deletei, perdoei, acalmei... Bem, esses são os sentimentos e etapas para curar as feridas do amor perdido, até ela cicatrizar.

Os relacionamentos humanos são um mistério. As pessoas ficam juntas, num equilíbrio instável, torcendo para que isso continue e não desabe, pois não somos donos de ninguém. Se a gente fica junto é porque ama...

E quando a presença sufoca, ela acaba? Sim, acaba! E aí vem aquela sensação de liberdade para um e de sofrimento para o outro. Sentimentos de raiva, indiferença, remorso, fingimento e frustração se justapõe por certo tempo... Ninguém sai ileso quando o relacionamento termina!... Por dentro estou sofrendo, sabendo que te perdi; por fora estou vivendo, fingindo que te esqueci... Até quando? Até cansar e os dias passarem e também os meses e os anos... Isso não tem fim? Não sei, mas dizem que o tempo ajuda a esquecer as lembranças e o amor perdido...

Por que as pessoas se distanciam e até se ignoram, depois de tanto se amar? Alguém pode me responder?... É por pura mágoa ou teimosia?... Ou vingança, que tanto mais doe quanto mais machuca... Alguém já passou por isso? Os psicólogos dizem que quanto mais negamos mais presente os fatos ficam!

Mas, como a vida continua, buscam-se razões para que ela volte ao normal. Normal com tantas feridas? As razões não convencem, mas ajudam a superar os traumas. A sabedoria popular diz: ‘Nunca chores por um amor perdido, pois se ele fugiu é porque nunca foi seu...’ Ou ‘um amor se cura com um outro amor!...’ Meu Deus, como não endurecer o coração com tantas decepções?

É preciso sofrer depois de ter sofrido, e amar, e mais amar, depois de ter amado, dizia o mineiro Guimarães Rosa.

A vida é boa mestra e com ela aprendemos que é preciso cuidar sem cansar. Talvez seja essa a palavra mágica, pois quem cuida, ama e quem ama, cuida!

Amor pedido?... Segundo São Paulo o amor nunca acaba! Será que o amor perdido não era paixão?...

Uma pergunta: O amor verdadeiro pode se perder?

2 comentários:

  1. Talvez seja possivel se perder um amor. Temos 'amor' por muitas coisas. Por um amigo, uma namorada, um animal de estimação, um objeto que guardamos de geração em geração. Mas alguns conseguem, muito bem, perder algo e material e manter o amor que tinha pelo tal. Mas as vezes o amor que o ser humano tinha pela aquela amizade vai embora. As brigas, o rancor, o ódio... Há vários motivos pra se perder, não só a paixão, mas o amor, que por outrora era um sentimento tão compassivo e afetuoso, agora inexistente. O ser humano perde sim a CAPACIDADE DE AMAR, sempre que cega os olhos e deixa de ver o verdadeiro à sua frente. Para mim, isso se deve à falta de prática. Praticar amor é saudável e devemos nos alimentar disto pelo menos uma vez por minuto!

    "Quem ama não peca"

    Michel Zorique

    ResponderExcluir
  2. Você escreveu isso para mim? rs
    Saudade padre! Está fazendo falta este ombro amigo.
    Paz!

    ResponderExcluir