Pesadelos...

Contou que achara pedaços dentro de um pote e os bebeu... 
Quando eu era criança tinha um monte de pesadelos e acordava assustado, suado e quase tremendo. Tempos depois, percebi que os pesadelos são comuns, tanto em crianças quanto em adultos e são mais frequentes do que pensamos. 

Mas, por que temos pesadelos fazendo nossas noites temerosas e desagradáveis? Qual o significado deles e o que nos querem dizer?

Os pesadelos se originam e funcionam como os sonhos
. O inconsciente se manifesta na nossa fantasia, com imagens e pensamentos durante o dia e com sonhos, quando dormimos. Você sabia que há sonhos corriqueiros e outros significativos? Estes últimos podem ser positivos ou negativos, como os pesadelos.

Alguns acham que o significado dos pesadelos está associado a uma espécie de alerta dos perigos da vida real, mas o certo é que pessoas inseguras têm mais pesadelos e sofrem mais. Os traumas e as dificuldades experimentadas são elaboradas pelo inconsciente transformando-os, às vezes, em imagens espantosas: animais ferozes, monstros desalinhados, figuras distorcidas que perseguem e ameaçam... E, ao acordar, perceber agradecidos que a própria vida não tinha acabado!... Ufa! Menos mal!

Conheço pessoas que se machucaram até fisicamente reagindo inconscientemente aos sonhos acontecidos! 

Hoje, provavelmente, as pessoas são mais seguras e avançadas e no lugar de pesadelos poder ter arrependimentos! Também estes fazem sofrer!

Os pensamentos (imagens, fantasia...) e os sonhos são importantes e poderosos e, algumas vezes nos forçam a fazer o que não queremos. Quando isto acontece e por tempo prolongado, precisamos da ajuda de um especialista do comportamento humano. 


Os pesadelos podem indicar problemas mal resolvidos...

Uma pergunta: Você quer contar algum dos seus pesadelos?

6 comentários:

  1. Interessante, vivo isso constantemente... pesadelos!

    ResponderExcluir
  2. Quase não tenho pesadelos, mas sonho bastante. E adoro!...

    ResponderExcluir
  3. Bem, são quatro da manhã em São Paulo e acordei fora de horário justamente por causa de um pesadelo... Às vezes sinto uma falta imensa da minha ex-esposa e como isso não tem condições de ser elaborado durante o período de vigília, são comuns os pesadelos... que são muito semelhantes uns aos outros: quase sempre estamos conversando sobre alguma coisa, como amigos (que de fato somos), mas quando o assunto chega numa possibilidade de voltarmos e tentarmos de novo, ela diz não... No sono quase sempre entro em desespero com isso - e acordo com lágrimas escorrendo, metabolismo muito acelerado e falta de ar...

    ResponderExcluir
  4. Pesadelos? Quais? Rsssss aqueles que nos levam para frente. Fazer do limão uma musse deliciosa rssss ao lado de JC- Jesus Cristo!

    ResponderExcluir
  5. Não tenho pesadelos... ao menos,não muitos. Mas tenho arrependimentos, traumas profundos por feridas ainda mais profundas causadas a quem amo. Difícil me perdoar, sabendo que fui algoz. Talvez, mais fácil seja perdoar a quem me ofendeu, que perdoar a mim mesmo, por ter feito o mal.
    Mas aos poucos me lembro que Jesus, na cruz, perdoou seus algozes. Por que não me perdoaria? Vejo-me como seu verdugo, mas amado e perdoado. E Ele me diz que já me perdoou. Eu sou quem preciso me perdoar agora. Eis meu pesadelo... a dificuldade de me perdoar. Sei que uma vida real, mais livre, alegre e leve me aguarda, assim que eu despertar,,,

    ResponderExcluir
  6. Eu sempre sonhei com aviões caindo. Geralmente eu estou em um lugar alto e os vejo caindo, lá embaixo, explodindo, muito fogo. Uma unica vez eu estava dentro de um deles, e uma unica vez, também, caiu onde eu estava. Hoje estes pesadelos são mais raros, antigamente era mais frequente. Eu nunca tinha pensado neles como uma manifestação de insegurança, mas faz todo o sentido.

    ResponderExcluir