Feliz Ano Novo...

Começaremos o Novo Ano ficando todos mais velhos.  Mas, o que pode ser realmente “novo”? Só a esperança nos fará mais atentos aos nossos melhores sonhos e assim sintonizar com a eternidade de Deus. O eterno faz o tempo ser novo!

Esta união com Deus faz o nosso Kayrós, isto é, o tempo ser pleno. E só o amor transformará o tempo em eternidade deixando de ser caduco e enfadonho.

Mas, nem todos os tempos são iguais! Quando você ama, o tempo se faz significativamente curto, mas por desgraça também conhecemos tempos intermináveis...

O tempo se tornará “kairós” e parecido com aquele primeiro dia da Criação quando sonharmos...

Foi essa a experiência vivida naquela noite pelos pastores, segundo o relato do Evangelho. No tempo rotineiro e sem expressão, uma criança se fez graciosamente presente alegrando seus cansados e pobres corações. A plenitude chegou e permaneceu com eles para sempre. Tempo e eternidade se fecundaram então mutuamente!

O que transforma o tempo é o amor e ele o faz renascer. Foi assim com Maria, José e aqueles pobres pastores de Belém!

Feliz Ano Novo! Felizes seremos se não cansarmos de sonhar e de amar!

7 comentários:

  1. O novo se faz com o desejo de transformar nossas experiências em Deus em eternidade. A história se perpetua e repete com significados diferentes e cheio de amor. Feliz Ano Novo.

    ResponderExcluir
  2. Padre José Ramon, obrigada pelas postagens e pelo espaço de partilha, sempre enriquecedora...faço minhas essas suas palavras...(,,,) "No tempo rotineiro e sem expressão, uma criança se fez graciosamente presente alegrando seus cansados e pobres corações. A plenitude chegou e permaneceu com eles para sempre. Tempo e eternidade se fecundaram então mutuamente! O que transforma o tempo é o amor e ele o faz renascer. Foi assim com Maria, José e aqueles pobres pastores de Belém'! " E que essa estrela continue a brilhar em nossas vidas, iluminando nossos caminhos e decisões. Que possamos desejar e saber como e por que desejar..Padre. Muita paz, sabedoria e luz para continuar conduzindo seu rebanho. FELIZ ANO NOVO...

    Feliz Ano Novo! Felizes seremos se não cansarmos de sonhar e de amar!

    ResponderExcluir
  3. Feliz Ano Novo, Padre querido e todos os leitores do blog! Que o amor ilumine nossos sonhos. Que nossos sonhos encantem nosso tempo. Amém!

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Padre Ramon, foi muito bom poder contar com as suas orações e a sua presença durante este ano de 2013 - que, como o senhor sabe, foi muito desafiante para mim.

    Não lamento a sua ida tão cedo. Penso que, para os planos do Pai, o seu tempo aqui foi o bastante para realizar aquilo que deveria ter sido realizado. Outro chamado foi feito agora. Só tenho que agradecer pelo tempo que pudemos contar com você aqui no CCB e pedir luz e bençãos sagradas para a sua nova empreitada. Repetir Santo Inácio: "TOMAI E RECEBEI...", e preparar o o coração para acolher quem chega, como no belo canto de Taizé: "Seja bendito quem chega...".

    Obrigada por tudo. Vá com Deus e até qualquer hora.

    Um Grande abraço.

    Joana Eleutério

    ResponderExcluir
  6. Que o novo tempo e o novo espaço se revelem generosos e revigorantes! Em Brasília, a sua passagem deixou um rastro de saudade e de bem-querer. Feliz ano novo, padre Ramon!

    ResponderExcluir
  7. A sua passagem por Brasília deixou um rastro de saudade e bem-querer. Que o novo ano e o novo trabalho lhe sejam gratificantes.Feliz ano novo, padre Ramón!

    ResponderExcluir