A fé religiosa na Copa 2014...

Quem assistiu os jogos da Copa percebeu, nos jogadores e torcedores, diversos sinais de fé religiosa. Nos jogadores e na torcida! Eram medalhas, rezas, sinal da cruz, terços, santinhos, braços levantados, campos beijados, abraços, lágrimas...

Sabemos que Deus ama tanto àquele que reza como aquele que o coloca de escanteio. E que Ele não toma partido contra ninguém!

Deus ajuda a todos: ao esportista, para ser mais íntegro e fraterno, corajoso e solidário, como fez David Luiz com James Rodriguez, no jogo Brasil x Colômbia, no final do jogo. Ele consolou o James humilhado, o abraçou, pediu palmas para o colombiano derrotado e até trocaram fraternalmente de camisas... E ao torcedor: para que saiba comemorar corretamente as vitórias e não se deixar abater pelas derrotas!

A Copa 2014 é uma excelente oportunidade para crescermos em fraternidade. A diversidade de culturas, raças e religiões é um convite a sermos melhores. Constituímos uma só família humana!

As agressões e abusos de atletas e torcedores, evidentemente, precisam ser sempre corrigidos! 

Deus é Pai e todos somos irmãos!

0 comentários:

Postar um comentário