EU SOU GARISSA!


Há fanáticos em todos os grupos sociais e religiosos. Mas, os que se dizem seguidores do Islã e matam, estão loucos e perderam a razão. Se querem publicidade para suas atrocidades busquem outros caminhos. Quem mata ou se converte ou acaba sendo excluído como um animal irracional.

Fico espantado com a “caça aos cristãos”. Todo dia, um grupo é assassinado por causa da sua fé. Aplaudo o testemunho e a confissão pública que estão dando de serem seguidores de Jesus. A história de Caim e Abel continua se repetindo. Basta! 147 estudantes mortos em Garissa/Kênia é uma barbaridade insana!

Gostaria de ouvir líderes políticos e religiosos muçulmanos condenado esta atrocidade. O silêncio é cúmplice nesta Sexta-feira Santa... 

Que uma nova era de fraternidade, justiça e paz floresça, onde o sangue humano está sendo copiosamente derramado.

0 comentários:

Postar um comentário