Dia 6/NOV: Pela fraternidade Universal...


Vivemos tempos globalizados e também radicalmente localizados. O fundamentalismo brota perigosamente em diversas denominações e credos, criando situações conflitivas. O fanatismo nunca foi bom conselheiro.

É preciso assumir que as religiões são diferentes e, justamente por isto, preciosas e necessárias num mundo plural e diverso como o nosso. O respeito à religião do outro é o maior testemunho de fé que uma pessoa pode dar.

A segregação, o preconceito, os atos de vandalismo praticados contra pessoas ou espaços sagrados é inadmissível. Todos somos iguais em direitos, e ao mesmo tempo diferentes.

Integração e diálogo, solidariedade e igualdade são meios adequados para superar nossos preconceitos e desconfianças históricas. É preciso acolher os outros como eles desejam ser acolhidos, de modo que todos tenham seus direitos humanos respeitados e possam viver em paz.

Trabalhemos pela PAZ, pois a violência é o maior dos absurdos.

Eu respeito a diversidade. E você?


0 comentários:

Postar um comentário