Antártida: Fenda no gelo cresce a um ritmo galopante...


Uma das três fendas da barreira de gelo Larsen, na Antártida, cresceu "mais rapidamente do que nunca" e pode vir a separar-se da costa. A notícia foi dada pela estação espacial europeia no dia 1/FEV/2017.

Caso o gelo retido pela barreira Larsen C chegar ao mar o nível dos oceanos poderá subir cerca de dez centímetros.

A fenda registada progrediu cerca de 60 quilômetros, desde JAN/2016 e 20 quilômetros desde o início de janeiro deste ano, e atinge cerca de 175 quilômetros. A plataforma de gelo tem 350 metros de espessura e está unida à península Antártica unicamente por um ponto.

As plataformas de gelo são porções da Antártida que repousa diretamente sobre o oceano, e funcionam com diques de gelo. Elas estão ligadas aos glaciares em terra firme, desempenhando o papel essencial de barreiras de contenção do gelo que se solta no mar.

Em janeiro deste ano, cientistas da Universidade de Swansea, País de Gales, disseram que um dos dez maiores icebergs jamais registados, com uma dimensão de 5 mil quilômetros quadrados, estava próximo a se desprender da Antártida.

Este possível desprendimento está relacionado com destruição da camada de ozônio e as condições climatológicas adversas .


É só esperar para verificar o que vai acontecer.


0 comentários:

Postar um comentário