10 inventos trazidos pelos jesuítas...


Você sabia que os jesuítas trouxeram:

1. O calendário. Foi o Pe. Cristóvão Clavio SJ (1538-1612), matemático e astrônomo alemão que idealizou o calendário civil internacionalmente aceito e que usamos hoje, promulgado pelo Papa Gregório XIII em 1582.

2. O hipertexto. Foi Pe. Roberto Busa, SJ (1913-2011), pioneiro da linguística computacional que convenceu o fundador da IBM, Thomas J. Watson, que os computadores poderiam ser utilizados não só para os números, mas também para os textos.

3. A selenografia moderna. O Pe. Giovanni Battista Riccioli, SJ (1598-1671), astrônomo italiano, matemático e físico que com outro jesuíta Pe. Francesco Maria Grimaldi, SJ (1618-1663), publicaram uma selenografia no Almagestum Novum (1651) mapeando crateras, montanhas e outros aspectos da lua lançando assim as bases para a moderna nomenclatura lunar.

4. Cálculos matemáticos. Foi o Pe. Jean Charles de La Faille, SJ (1597-1652), matemático flamengo, que no livro Theoremata de centro gravitatis partium circuli et ellipsis (1632) determinou o centro de gravidade do setor de um círculo. André Tacquet, SJ (1612-1660), outro matemático lançou as bases para a descoberta do cálculo.

5. O alçapão. Nas escolas dos séculos XVI e XVII os jesuítas escreveram e dirigiram peças de teatro, e acredita-se que um professor jesuíta do século XVII tenha inventado o alçapão no palco, para ajudar os artistas.

6. O chimarrão. No século XVII, os jesuítas introduziram a planta do mate na América do Sul, provavelmente para que a população indígena não entrasse no flagelo do alcoolismo.

7. A flor do Maracujá. Os jesuítas chamaram a essa beleza de "flor das cinco chagas", por causa da paixão de Cristo. Acreditavam que as folhas pontudas representavam a Lança; as gavinhas as chicotadas; as dez pétalas os dez apóstolos fiéis; os filamentos, que podem ser mais de cem e variam de flor para flor, representariam a coroa de espinhos; os 3 estemas, os 3 pregos, e as 5 anteras abaixo deles as 5 feridas (quatro dos pregos e uma da lança); por fim as cores azul e branco representariam o Céu e Nossa Senhora.

8. O nome da Camélia. O botânico sueco Carlo Lineu deu para a camélia o nome de um irmão jesuíta, Georg Josef Kamel, SJ (1661-1706), que passou a vida documentando plantas e animais nas Filipinas.

9. O quinino (casca-dos-jesuítas) - Os jesuítas espanhóis missionários no Peru, no século XVII, aprenderam com os nativos que a casca da cinchona poderia curar a malária. Os jesuítas a levaram para o mundo todo. Hoje também é usada também na água tônica.

10. O guarda-chuva. Sombrinhas e guarda-chuvas foram introduzidos na França e na Inglaterra no século XVII pelos jesuítas que haviam visitado a Ásia.

Lembre-se, pois, que os jesuítas deram um forte contributo não só para o conhecimento, mas também para o bem-estar da humanidade.

E tudo isso para a maior glória de Deus!


Um comentário:

  1. E há quem acredite que fé e ciência não combinam...

    ResponderExcluir