JESUÍTA NOMEADO BISPO AUXILIAR DE ROMA...


O Papa Francisco acaba de nomear Bispo Auxiliar para a Diocese de Roma o Pe. Daniele Libanori SJ (*1953), que foi de 2003 a 2016 reitor da nossa igreja do Gesù em Roma, e atualmente é reitor da igreja de San Giuseppe dei Falegnami, no Fórum Romano.
"Diante da notícia do pedido do Papa senti uma grande surpresa e depois medo", disse ele. "Eu leio este compromisso na linha de grande atenção ao clero... Não é um ministério administrativo, mas para lidar com as pessoas, um por um. A principal dificuldade de um padre? Excesso de trabalho, que muitas vezes o distrai da oração, do cuidado de si, da vivência de amizades sadias. É importante fazê-lo sentir que vale a pena, que é amado, que o Senhor não se enganou ao chamá-lo, que vale a pena ser padre".
Pe. Libanori cuidará do clero de Roma e dos diáconos permanentes.
A sua ordenação episcopal está agendada para 13/JAN/2018, na Basílica de São João de Latrão.
Há pessoas mal-intencionadas que falam repetida e cansativamente vituperios da Companhia de Jesus, como se estivéssemos na UTI e prontos a desaparecer da historia. E ficam contentes com isso. São profetas de desgraças! Todavia, eu nunca vi a Companhia com tanta vitalidade como nestes tempos, pois nunca houve um Papa jesuíta e nem um bispo auxiliar de Roma. Se somos tão maus e não prestamos, como a Igreja conta ainda conosco para ministérios tão importantes?

Quem fala mal de nós é porque não nos ama, e não adianta dizer que antes gostavam da antiga Companhia! Não vivemos no passado, e nem estamos mumificados, graças a Deus.



Um comentário:

  1. Quem fala mal dos jesuítas geralmente não gosta também do Papa Francisco... São pessoas tradicionalistas e ancoradas no passado...

    ResponderExcluir