Tedros Adhanom (*1965)... Você conhece este homem?


Tedros Adhanom Ghebreyesus é um político etíope, acadêmico, e autoridade mundial de saúde pública. Graduado em biologia e doutor em saúde comunitária, é o atual Diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), desde 2017. Serviu ao governo da Etiópia como Ministro da saúde de 2005 a 2012, e depois como ministro de relações exteriores de 2012 a 2016.

Pesquisador da malária, reconhecido internacionalmente, diminuiu a mortalidade infantil no seu país de 123 por mil nascidos vivos em 2006 para 88 em 2011, aumentando a contratação de médicos e parteiras. 

Tedros foi eleito diretor-geral da OMS pela Assembleia Mundial da Saúde, em 2017. Assumiu o cargo por um mandato de cinco anos.

Na coletiva de imprensa do dia 8/ABR, Tedros desabafou sobre ataques racistas e ameaças que está sofrendo em redes sociais, por liderar a campanha mundial contra o Coronavírus.

Posso dizer-lhe que os ataques pessoais vêm ocorrendo há mais de dois, ou três meses, com comentários racistas, chamando-me de `preto´ ou `negro´. Tenho orgulho de ser negro”... Quando toda a comunidade negra for insultada, quando a África for insultada, aí então eu não tolero, e digo às pessoas que estão cruzando a linha...

Parabéns, Tedros, pelo seu trabalho em favor de todos. E se alguém o insulta, por favor, tenha pena de nós...

No Brasil o racismo é crime!






0 comentários:

Postar um comentário