Cuba e USA se aproximam...

Após mais de 50 anos de separação, dois países se reconhecem sem excluir-se: a pequena Cuba e o gigante USA. Relações diplomáticas e posteriormente econômicas foram anunciadas.
Estamos todos felizes, porque vimos como dois povos, que estavam afastados há muitos anos, deram ontem [17/DEZ] um passo de aproximação. Isso foi promovido pelos embaixadores, pela diplomacia: é um trabalho nobre o vosso, muito nobre...
Segundo o presidente norte-americano, Barack Obama, o Vaticano e o próprio Papa Francisco intervieram diretamente neste processo, pedindo às duas partes que restabelecessem o diálogo e promovessem mudanças.
Quero agradecer e reconhecer o apoio do Vaticano e especialmente do Papa Francisco para a melhoria das relações entre Cuba e os Estados Unidos, disse por sua vez o presidente cubano.
Que tudo seja para o bem dos 11 milhões de habitantes da Ilha e dos mais de 2 milhões de exilados nos Estados Unidos. 
A superação das desconfianças mútuas sempre é uma Boa Nova.

0 comentários:

Postar um comentário