Um prelado infeliz...


O Papa Francisco tem alguns desafetos nas altas fileiras da Igreja. Falo do tema por que não concordo com o que disse este senhor prelado.

Dom Luigi Negri (*1941) é um deles. Este bispo italiano da diocese de Ferrara criticou aberta e indiscretamente as últimas nomeações episcopais do Papa Francisco para Bolonha e Palermo: Onde se viu? Bispos amigos dos pobres... Será que ele desejava alguma dessas sedes episcopais?

Mas a pior de suas críticas foi dizer: O Papa Francisco deve ter o mesmo final que o outro Papa, isto é o do Papa João Paulo I, que só durou 33 dias no sólio pontifício. Isso ele disse ao telefone, em alto e bom som, para todos ouvir. Lamentável! 

Desejar a morte do próximo, senhor bispo, não é nada cristão, e menos quando esse mau desejo brota no coração e nos lábios de um arcebispo que deveria estar em comunhão com Pedro.

Por outo lado, pela quantidade e qualidade dos "arreios" que veste este senhor dá para ver a que século e a que Igreja pertence.

O que o bispo disse é o que outros muitos cochicham ao pé do ouvido. O Papa tem muitas resistências na alta hierarquia da Igreja.

Isso, além de ser uma pena, é uma vergonha! 

Uma pergunta: E você o que pensa?

NR. No dia seguinte, 26/NOV, o dito prelado desmentiu que tivesse dito tamanhas atrocidades e atacou quem, por meios ilícitos, se apropriou dessa notícia.    

12 comentários:

  1. Infeliz e desgraçado no sentido de sem a graça de Deus.

    ResponderExcluir
  2. Padre Ramón, sempre acompanhou seu blog. De fato o comportamento desse bispo é lamentável mesmo. Porém não acho justo falar dos paramentos como mero adornos de outro século. Há excelentes bispos que usam iguais paramentos e são ótimos pastores, não achei feliz sua comparação!

    ResponderExcluir
  3. Miguel Teixeira E Melo26 de novembro de 2015 15:03

    Como Se Pode Confirmar Que Este Bispo Produziu As Afirmações Que Lhe São Atribuídas?
    Mas Acho Lamentável Que Sejam Denominados Como "Arreios" O Que Este Bispo Tem Sobre Os Paramentos.Estes Paramentos Não Pertencem A Outro Século Pois São de Todos Os Séculos.Miguel Teixeira E Melo.

    ResponderExcluir
  4. Arreios de séculos passados.

    ResponderExcluir
  5. Todos nós sabemos da oposição ao Papa Francisco de parte de muitos dos altos dignatários da igreja porém a postura deste prelado não só é desrespeitosa mas também é uma ameaça vela a vida do seu dirigente máximo. A velha igreja romana é e sempre foi absolutista e ligada aos poderosos tendo como discurso a comunhão com os pobres somente para se manter no poder. É fato que temos sacerdotes como D Helder, que sempre se colocaram ao lado dos menos desfavorecidos mas os dirigente se mantinham em seus palácios com torneiras de ouro, suas carros luxuosos e o fausto de seus palácios. Francisco vem para revolucionar essa igreja e coloca-la junto aos pequeninos. Que Maria vele sim por Francisco para que ele possar dar continuidade a sua obra de uma verdadeira IGREJA. (L.V.P)

    ResponderExcluir
  6. Bom, ele trouxe a dúvida de todos : O Papa João Paulo I foi assassinado???? Será que este senhor participou??? Não seria um bom motivo para fazer uma exumação no risonho Papa João Paulo ????
    Uma exumação no Vaticano somente com a vinda do Nosso Mestre Jesus...

    ResponderExcluir
  7. Padre Ramon, eu discordo de muito do que pensa, todavia, eu considero muito do que diz e sou obrigado a concordar contar com o senhor em muitos aspectos. Entretanto, seu texto peca por um detalhe: chamar os paramentos católicos tradicionais e de arreios é algo que não esperava do senhor. Eu repito, o senhor deveria estudar mais, estudar o catolicismo tradicional, sem preconceitos. Sei que o senhor já não tem a mesma disposição de um jovem, mas sempre há tempo para aprender e abandonar velhos preconceitos. Confio na sabedoria do senhor. Uma dica: Santo Inácio de Loyola usava um arreio desses.

    Heitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo Heitor! O tempo de santo Inácio de Loyola foi o século XVI, e agora já estamos no XXI...

      Excluir
    2. Eu sei padre, mas nossa Igreja tem graças a Deus muita diversidade, é uma igreja plural! Gostaria muito que os irmãos jesuitas respeitasse nossa espiritualidade tradicional, a qual durante tantos anos contribuiu para o desenvolvimento da nossa Igreja? Sabe padre, muito me entristece que os jesuitas pregam tanta tolerância e ecumenismo com os inimigos da Fé, mas não pensam duas vezes em desprezar os próprios irmãos. Por exemplo: o senhor sabia que um grande site de notícias do jesuita chamou no título de uma matéria um próprio irmão jesuita de idiota por celebrar a missa tridentina? Sabe padre, eu entendo esse espírito de revolta do senhor, pois sei que o senhor não tem culpa de pertencer à geração conciliar. Uma geração que queria aggiornar a Igreja, mas acabou se mostrando demolidora e iconoclasta. Mas felizmente esses tempos estão passando. Hoje a tradição está sendo revista, os demolidores não tem mais fôlego. Estou ultrapassados, ficaram no século XX. Se dúvida, veja as imagens da missa tridentina na jmj. Hoje, o jovem.católico engajado é tradicional. Não digo para o senhor mudar, digo para o senhor se atentar a isso e parar de desprezar essa espiritualidade dizendo que tal paramento é arreio. Devemos combater o luxo pessoal e íntimo do clero, os palácios, os carrões, as viagens, jantares, a vida fútil, mas não a solenidade da liturgia

      Um exemplo: são João Maria vianey, padroeiro do clero, ia em Paris e comprava os paramentos mais bonitos e mais caros para celebrar a sua missa. Na sua vida íntima, tinha apenas uma batina surrada e se alimentava de um pouco de batatas velhas para dar a energia necessária, dormi no chão e fazia penitência. O que é melhor? Celebrar missa com pauperismo e viver no luxo ou celebrar com as coisas mais bonitas o culto de Deus e viver na mais humilde pobreza evangélica? São Francisco tem a resposta

      Reze por mim

      Excluir
  8. Padre Ramon,
    Vá em frente! continue ajudando a construir uma religiosidade ecumênica baseada no verdadeiro amor e fraternidade do Cristo! Não ligue para quem não possui a profundidade espiritual capaz de entender a sua indignação. Paramentos colocados sobre um animal humano raivoso, que nada tem a ver com o Cristo e contribui para contaminar e destruir a verdadeira igreja embasada no amor e fraternidade buscada pelo papa Francisco, nada mais são do que ARREIOS sobre este animal.

    ResponderExcluir
  9. Padre Ramon,
    Parabéns pela coragem de denunciar os membros da Igreja que não querem as reformas do Papa Francisco, o melhor pontífice de todos os tempos.Eu não tenho a menor dúvida do assassinato de João Paulo I. Os jornalistas vaticanistas e outros confirmam isso. Continue, por favor, com seus brilhantes comentários. Agora sou uma assídua seguidora de seus escritos.

    ResponderExcluir