Novos cardeais na Igreja e entre eles D. Sergio de Brasília...


Com alegria, anuncio que sábado, 19/NOV, véspera do fechamento da Porta Santa da Misericórdia, realizarei um Consistório para nomear 13 novos cardeais, de cinco continentes. Sua proveniência, de 11 nações, expressa a universalidade da Igreja que anuncia e testemunha a Boa Nova da Misericórdia de Deus em todos os cantos da terra. A inclusão dos novos cardeais na diocese de Roma manifesta também a inseparável relação existente entre a Sé de Pedro e as Igrejas particulares ao redor do mundo”.
Na sequência, Francisco revelou quem serão os novos cardeais:
Dom Mario Zenari, Núncio Apostólico na ‘amada e martirizada’ Síria;
Dom Dieudonné Nzapalainga, C.S.Sp., Arcebispo de Bangui (República Centro-africana);
Dom Carlos Osoro Sierra, Arcebispo de Madri (Espanha);
Dom Sérgio da Rocha, Arcebispo de Brasília (Brasil);
Dom Blase J. Cupich, Arcebispo de Chicago (EUA);
Dom Patrick D’Rozario, C.S.C., Arcebispo de Daca (Bangladesh);
Dom Baltazar Enrique Porras Cardozo, Arcebispo de Mérida (Venezuela);
Dom Jozef De Kesel, Arcebispo de Malines-Bruxelas (Bélgica);
Dom Maurice Piat, Arcebispo de Port Louis (Ilhas Maurício);
Dom Kevin Joseph Farrell, Prefeito do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida (EUA);
Dom Carlos Aguiar Retes, Arcebispo de Tlalnepantla (México);
Dom John Ribat, M.S.C., Arcebispo de Port Moresby (Papua Nova Guiné);
Dom Joseph William Tobin, C.SS.R., Arcebispo de Indianapolis (EUA).

Aos membros do Colégio Cardinalício, o Papa decidiu unir ainda dois arcebispos e um bispo, eméritos, que se destacaram em seu serviço pastoral, e um Presbítero que deu claro testemunho cristão. “Eles representam muitos bispos e sacerdotes que em toda a Igreja edificam o povo de Deus, anunciando o amor misericordioso de Deus no cuidado cotidiano do rebanho do Senhor e na confissão de fé”.
Eles são:
Dom Anthony Soter Fernandez, Arcebispo Emérito dei Kuala Lumpur (Malásia);
Dom Renato Corti, Arcebispo Emérito de Novara (Italia);

Dom Sebastian Koto Khoarai, O.M.I, Bispo Emérito de Mohale’s Hoek (Lesoto);
Padre Ernest Simoni, Presbítero da Arquidiocese de Shkodrë-Pult (Scutari – Albânia).

0 comentários:

Postar um comentário