A Igreja do Santo Sepulcro continua fechada em Jerusalém …


A Igreja do Santo Sepulcro em Jerusalém continua fechada, e não para reformas… Os responsáveis da igreja Católica, Ortodoxa e Armênia tomaram esta decisão extrema, como protesto contra os novos impostos sobre os bens das igrejas cristãs.

Portas fechadas para todos, e já por 4 dias consecutivos.

As centenas de peregrinos que chegam a cada dia em Jerusalém, se aproximam da Igreja do Santo Sepulcro e encontram as grandes e antigas portas hermeticamente trancadas. Alguns se ajoelham, diante da basílica, para orar, pedem explicações e protestam pela perseguição aos cristãos.

A medida da municipalidade de Jerusalém de fazer pagar impostos fere direitos antiquíssimos e é um modo de dizer aos cristãos: Aqui quem manda agora somos nós! 

É uma lei perigosa e detestável!

É verdade que a Igreja ortodoxa, como a católica, possuem grandes parcelas de terrenos espalhados por todo o Estado de Israel, por uma razão muito simples: eles sempre estiveram lá, mesmo antes da criação do Estado de Israel em 1945. É tão absurda essa medida, como se o governo italiano, rompendo seus tratados, quisesse agora impostar todo o território do Vaticano, e as Igrejas espalhadas pelo país. Seria o fim da igreja!


E você o que pensa?



0 comentários:

Postar um comentário