27/ABR: beatificação dos mártires da Rioja...


Até faz pouco tempo, alguns monsenhores da poderosa Cúria romana viam, com maus olhos, os cristãos que morreram às mãos das ditaduras militares de América Latina. Só depois da canonização do arcebispo de San Salvador, Dom Romero, 2018, é que nossos mártires começam a sair da penumbra e chegar aos altares.

O Papa Francisco marcou para o dia 27/ABR, a beatificação dos “mártires riojanos”, da ArgentinaEnrique Ángel Angelelli, bispo da Rioja; Gabriel Longueville, sacerdote diocesano; Carlos de Dios Murias, sacerdote dos Franciscanos Conventuais, e Wenceslao Pedernera, pai de família. Bonito ver bispo, padres e pai de família dando testemunho de sua fé católica diante da violência dos poderosos. Como sempre, protestam os grupos da extrema direita, que preferem estar do lado dos governos ditatoriais e não de seus irmãos assassinados. Graças a Deus, temos uma lista imensa dos mártires da caminhada em América latina!

Triste é saber que a Conferência dos bispos argentinos nunca pediram explicações ao governo dos crimes cometidos. 

Nossos mártires não podem ficar esquecidos!

0 comentários:

Postar um comentário