Papa Francisco visitará a Romênia, Bulgária e Macedônia em maio de 2019...


Em maio de 1999, o Papa João Paulo II visitou a Romênia sendo o primeiro Papa a viajar a um país de maioria ortodoxa. Esta visita pastoral do Papa Francisco será na primeira semana de maio.

O Papa Francisco chegará com uma importante mensagem ecumênica em tempos agora complexos, por causa da autocefalia concedida por Constantinopla à Igreja Ortodoxa da Ucrânia. Brigas internas fraternas. Na Romênia os ortodoxos são 87% e os católicos apenas 5%,
Na Bulgaria, se preparam duas visitas às catedrais católicas de Sofia (capital): uma de rito bizantino-eslavo, a da Dormição e a outra a de rito latino, a de San José. Esta última, foi destruída na 2ª Guerra mundial, e reconstruída e finalizada em 2006. João Paulo II colocou a pedra inicial por ocasião da sua visita em 2002.
Também está planejada uma visita à Sé do patriarcado ortodoxo búlgaro, a magnífica Catedral da capital. Numa cidade, símbolo do diálogo entre religiões, os templos cristãos se encontram a poucos metros um dos outros, e até a mesquita muçulmana e as antigas sinagogas judaicas estão próximas umas das outras. Na Bulgária os ortodoxos são o 82% da população e os católicos só 1%.
Por último a Macedônia.
Além do componente pastoral, estas visitas têm uma forte conotação sociopolítica, e ecumênica. O Papa Francisco terá que andar nas pontas dos pés... 
Lembro que a Bulgária e a Romênia fazem parte da União europeia.

0 comentários:

Postar um comentário